Mão de obra desafinada

Elias Vicente Rodrigues já afinou o piano usado nos shows do BB King, U2, Lenny Kravitz, Amilton Godoy e de vários importantes artistas nacionais. Ele também reforma pianos, como o Steinway fabricado em Nova York em 1894 que está na foto

A falta de mão de obra qualificada limita o potencial de crescimento de um serviço que se aproxima muito à arte: a afinação de pianos. Elias Vicente Rodrigues, 56 anos, tem uma oficina para reformar pianos, mas é da afinação que vem a sua fama. Nascido em Curitiba, aprendeu o ofício com o pai e […]

O espaço criativo do rock instrumental do Copa 13

O Copa 13, banda inspirada no Copa 5 do saxofonista, produtor e arranjador carioca João Theodoro Meirelles, existe há três anos e tem conseguido se apresentar em espaços alternativos de São Paulo, chegando até a realizar uma apresentação na Virada Cultural de 2011. Mas a relação do som do Copa 13 com o Copa 5 […]

Bem-vindo ao entresons

O entresons, site que tranpõe a música instrumental para o tom do jornalismo, saúda seus leitores com muita alegria e espera proporcionar a troca de muitas informações e música de qualidade com total irreverência. O site trará sempre reportagens sobre comportamento, textos sobre lançamento de discos, crítica musical, educação musical e artigos de músicos e professores de música sobre temas da atualidade.

Sidmar Vieira lançará seu 1º CD em 2013

Ele gravou 2 músicas no Z7 Stúdio, em SP, que você pode conferir agora.

A comunhão de Itiberê Zwarg

Itiberê Zwarg (centro) realiza oficina com músicos para explicar e praticar os princípios da Música Universal

O multitinstrumentista Itiberê Zwarg, que foi contrabaixista da banda de Hermeto Pascoal, realizou em outubro, na Casa do Núcleo, em São Paulo, um workshop sobre “Música Universal” com a participação de músicos que estudam na Escola de Música do Estado de São Paulo – Tom Jobim e da Faculdade Souza Lima, transmitindo toda sua experiência técnica e intuitiva.

Guinga no divã

Guinga-estrelas

O mestre Guinga dá uma demonstração do porque é um grande artista: revela em palestra em São Paulo suas “derrotas”, sua baixa autoestima e o momento atual pelo qual passa, ao ter dificuldade em se emocionar quando está no palco, mesmo com o público aplaudindo em pé. A crise pode impulsioná-lo a criar novas músicas.

Cacá Malaquias faz florescer música no sertão

foto1 (3)

O saxofonista Cacá Malaquias, que já tocou com nomes importantes da música como Gal, Dominguinhos, Ivan Lins, Nico Assumpção, Raul Seixas, Fábio Jr, e ainda fez parte da Banda Mantiqueira, conta a sua experiência de ter voltado para sua terra natal, Carnaíba, no sertão de Pernambuco, onde dá aulas de e compôs “Matuto na Feira”, que será gravada em DVD pela big band Tupy Guarani, de João Pessoa.

Social



Licença de uso

Licença Creative Commons
Os textos do Entresons são publicados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Não Adaptada.
Você pode reproduzir, retransmitir e distribuir o conteúdo, desde que com crédito (ao site e ao autor do texto), para uso não-comercial e com uma licença similar.

Próximos shows

Assinar: RSS iCal