De filho para pai

Marcell Powell por Éden Barbosa

Em show em Santo Antônio do Pinhal, no Vale do Paraíba, o violonista Marcel Powell faz uma homenagem ao pai, Baden Powell, que teria completado 80 anos em agosto. Baden, violonista excepcional, um dos maiores de todos os tempos, e compositor de melodias inesquecíveis, ganha uma justa homenagem, “feita de filho para pai”, pelo violonista Marcel Powell. Marcel, que herdou a genética do pai, segue fiel à tradição violonística do seu mentor, mestre e referência maior. Ele faz por merecer a herança, unindo seu indiscutível talento inato ao incansável empenho na busca de apuro técnico. Mesmo já tendo atingido um alto nível de excelência como instrumentista: Marcel Powell é hoje considerado, com justiça, um dos grandes expoentes do violão brasileiro, recebe entusiásticos aplausos onde quer que se apresente, no Brasil e no Exterior.

Na Clave!

Aniel Someillan

Com informações da redação, assessorias de imprensa e site de casas noturnas, o Na Clave! traz uma pequena, porém poderosa, lista de dicas culturais. O sábado terá Tributo a Ahmed Abdul-Malik, contrabaixista que marcou a fusão do jazz com a música oriental, no 38 Social Clube e, também, a apresentação de Nani Barbosa e Arthur de Paula no Brazileria. Domingo, meditação pela paz na Praça Victor Civita, com o projeto Tambores Flow, e alí bem perto, no Sesc Pinheiros, Paula Morelenbaum e Jaques Morelenbaum lançam o CD “Homenagem a Tom Jobim”. Terça-feira o JazzB flutua no ritmo do quinteto liderado pelo contrabaixista cubano Aniel Someillan (foto de destaque do post), que traz repertório autoral e versões de clássicos cubanos com influências do jazz e do folclore afro-cubano e brasileiro. E, no próximo sábado, Carlos Malta leva à casa da Rua General Jardim músicas dos seus discos “Tudo Azul” e “Pimenta”.

Uma meditação musical para a paz em São Paulo

SESC Jundia_Tambores Flow_Crédito Mayara Tutumi

Uma meditação à céu aberto com o objetivo de enviar energias positivas para colaborar na construção da paz na cidade de São Paulo. Esta é a proposta do evento gratuito que o projeto Tambores Flow, que une meditação à música, realizará no dia 27 de agosto, um domingo, a partir das 16h, na Praça Victor Civita, em Pinheiros (São Paulo). “Quando as pessoas estão juntas meditando, elas polarizam energias e frequências mais amorosas e pacíficas”, diz a meditadora Monica Jurado, que organiza o evento e lidera o Tambores Flow. Essa meditação marca também a formação de tamboreiros do projeto, que regularmente abre cursos para criar maior intimidade entre os praticantes da meditação associada à música. O projeto também oferece cursos de construção de tambores.

A musicalidade da dança do ventre

Zikir_2BM_Pedro_Bonatto

A dança do ventre é contagiante tanto para quem dança como para quem assiste. É raro, no entanto, que essa arte seja praticada no Brasil com instrumentos acústicos. As raízes dessa expressão cultural se esvaem, petrificadas na repetição mecânica de canções que, em sua expressão viva, possuem nuances e peculiaridades, capazes de enriquecer os gestos corporais. Mas um curso, que tem início no domingo, dia 27 de agosto, em São Paulo, resgata a essência desse diálogo inseparável e simultâneo do corpo com os sons: “Musicalidade para a Dança”. O primeiro dia de aula, sobre “História da Música Oriental”, ocorrerá na Fundação Tarab, e é aberto para o público em geral. Os outros quatro dias de curso, que se estenderão em setembro, outubro, novembro e dezembro, são mais indicados a dançarinos, e serão realizados no Instituto Caleidos, centro de dança contemporânea liderado pela arte-educadora Isabel Marques.

Um xamã fusion

João Taubkin Foto Crédito de Antonio Brasiliano

“Olha embaixo da sua cama!” João Taubkin, então com 14 anos, correu para o quarto, esperando encontrar um pedal de guitarra overdrive, que havia pedido de presente para o pai, o pianista Benjamim Taubkin, que viajara para um show nos Estados Unidos. Mas, para sua decepção, o que lá estava era um baixolão, um contrabaixo acústico, parecido com um violão. “Não foi amor à primeira vista”, diz o músico. Presentes inesperados como esse mudaram a vida do garoto para sempre. Hoje, compositor e baixista consagrado, João aprendeu a surpreender seu público, que poderá ver em setembro vídeos inéditos do artista nas redes sociais. O CD, enquanto objetivo máximo de um músico, já é coisa do passado na era digital. A produção de seus próprios projetos e a realização de shows, com muitos parceiros, transformou a vida do baixista em uma aventura frenética, com projetos sobre a confluência entre a música e a dança e a retomada de um som hipnótico que fizera em trio, e que agora terá nova formação em quarteto.

Na Clave!

Caravana Cigana

As bandas Orkestra Bandida e Grand Baazar se apresentam nesta sexta-feira (18/08) na Caravana Cigana, evento realizado no Centro Cultural Rio Verde, em São Paulo. A organização do evento reúne no centro cultural expositores de produtos com temática oriental na área externa. Dentro do salão, o público dançará ao som do pesquisador Alfas Maan e seu projeto AM8. Ainda na sexta, a talentosa cantora Misty e seu Grupo comemoram o 22ª aniversário do All of Jazz em um show que promete ser inesquecível. E a MC Lurdez da Luz se apresenta no Sesc Belenzinho. No sábado, o músico Derico Sciotti movimenta a Estação Cultura, em Campinas, com o show “Pelo Telefone”. Na quinta, o contrabaixista Sidiel Vieira apresenta músicas do álbum “Traços Urbanos”, no JazzB.

Na Clave!

Hermeto Pascoal e Grupo

O post “Na Clave!” traz as dicas culturais do blog entresons. Hermeto Pascoal e seu quinteto realizam shows de lançamento do CD duplo “No Mundo dos Sons”, no sábado e no domingo no Jazz na Fábrica, no Sesc Pompeia, em São Paulo. Os ingressos para sábado já estão esgotados e, para o domingo, é preciso ter sorte para achar na bilheteria, porque na web os tickets também se esgotaram. O cantor baiano Xangai faz o show do projeto “Xangai em Catingueiros”, com projeção de cenas captadas pelo diretor Ígor Penna no Sesc Santo Amaro, na sexta-feira. O acordeonista Mestrinho fará o mundo girar no Canto da Ema, no sábado. Na terça, o JazzB realiza evento gratuito: lançamento do livro “Esta vida: poemas escolhidos”, coletânea do poeta norte-americano Raymond Carver. O evento terá pocket show da banda Fábrica de Animais. E, na quarta-feira, o saxofonista Mauricio Mohamed e seu Quarteto fazem o lançamento do CD “Velvet Sounds”, no All of Jazz.

Purgatório aromático

Eristhal Luz

Era como se do teto descessem estalactites, por onde escorria um ácido, que queimava o corpo dos viventes. Foi essa sensação que tive, em 2010, ao ouvir a música “Purgatório” ao vivo, dentro de uma das salas de ensaio do Estúdio Z7, do guitarrista, humorista e filósofo bissexto Tadeu Martinez. A Boom Project Band, que à época era formada por Chico Leibholz (bateria), Miro Dantas (baixo e sintetizadores) e Eristhal Luz (guitarra), acabara de ser criada. A banda ensaiava com frequência nesse estúdio da Vila Madalena naquela época, fazendo um rock instrumental psicodélico, uma mistura de surf music com funk. Seguiram-se muitos shows, o lançamento do CD da banda em 2011, e também, algumas despedidas, que geraram ainda mais arte. O também artista plástico Miro Dantas resolveu se dedicar exclusivamente à pintura e ao estúdio de tatuagens, realizando um trabalho incrível. É dele, por exemplo, o projeto “Uma tatuagem por uma vida melhor”, no qual ajudou a recuperar a autoestima de mulheres que sofreram com o câncer de mama. Chico Leibholz está prestes a lançar um novo projeto, que se chamará Fluhe. “É instrumental trip noise”, define o baterista. E o guitarrista Eristhal Luz colocará na praça, nos próximos dias, “Aromáticas”, o seu primeiro trabalho autoral, que ficará disponível em plataformas de streaming de música.

Na Clave!

João Donato e Donatinho -foto de Renato Pagliacci -b

Na Clave! é o guia cultural do entresons, que destaca o lançamento de “Sintetizamor”, novo disco de João Donato e Donatinho, em São Paulo. Além disso, há também a estreia de “Gira”, do Grupo Corpo, e as homenagens a Adoniran Barbosa dos Trovadores Urbanos e do cantor Passoca, no bar Brazileria.

Douglas Mam & Os Famigerados fazem show no Estúdio Lâmina

foto: Luís Dávila

No dia 04 de agosto, às 23h, no Estúdio Lâmina, Douglas Mam & Os Famigerados participam do Allegro Ma Non Troppo. O evento reúne três músicos autorais tocando na mesma noite pela primeira vez. Mam, que tocará ao lado de Celso Gattaz, Murilo Sá, Rodrigo Cambará e João Rochetti, divide a noite com o argentino Santiago Córdoba, da banda Violentango e Daniel Zé. Douglas Mam & Os Famigerados apresentam show autoral que integra música e poesia, mesclando canções, intervenções poéticas e haicais musicados. O repertório é formado por canções que vão do folk ao rock passando pelo jazz e pop.

Social



Licença de uso

Licença Creative Commons
Os textos do Entresons são publicados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Não Adaptada.
Você pode reproduzir, retransmitir e distribuir o conteúdo, desde que com crédito (ao site e ao autor do texto), para uso não-comercial e com uma licença similar.

Próximos shows

Assinar: RSS iCal