Alex Periscinoto

Liberdade de imprensa. Use em legítima defesa

Alex Periscinoto, São Paulo, alexcoment@gmail.com

Todos 365 dias do ano deveriam ser 3 de maio. Esse é o dia definido pela Unesco como o da “Liberdade de Imprensa”. Na verdade, mais do que comemorar num dia específico, o que deveríamos fazer na defesa desse que é um dos capítulos da “Declaração Universal dos Direitos Humanos”, é ficarmos o tempo todo atentos às manobras dos que pilotam garrotes. Nessa classe há os que seguem o modelo “bolivariano-cubano-chinês-norte-coreano” que prendem e esfolam jornalistas descaradamente, e há os que escondem seus sonhos de censura através de leis com nomes ornamentais e perfumados visando esconder o seu objetivo real que é meter a navalha no direito às informações. Exemplo brasuca atual (pra não retroceder ao Getúlio ou à ditadura militar) desse tipo de embrião de serpente: “Controle Social da Mídia”. Nome espertamente abstrato, acadêmico e dissimulado visando esconder suas afiadas unhas de metal enferrujado.

Para ler o artigo completo clique aqui.

Deixe um comentário

Social



Licença de uso

Licença Creative Commons
Os textos do Entresons são publicados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Não Adaptada.
Você pode reproduzir, retransmitir e distribuir o conteúdo, desde que com crédito (ao site e ao autor do texto), para uso não-comercial e com uma licença similar.

Próximos shows

Assinar: RSS iCal