A musicalidade da dança do ventre

Zikir_2BM_Pedro_Bonatto

A dança do ventre é contagiante tanto para quem dança como para quem assiste. É raro, no entanto, que essa arte seja praticada no Brasil com instrumentos acústicos. As raízes dessa expressão cultural se esvaem, petrificadas na repetição mecânica de canções que, em sua expressão viva, possuem nuances e peculiaridades, capazes de enriquecer os gestos corporais. Mas um curso, que tem início no domingo, dia 27 de agosto, em São Paulo, resgata a essência desse diálogo inseparável e simultâneo do corpo com os sons: “Musicalidade para a Dança”. O primeiro dia de aula, sobre “História da Música Oriental”, ocorrerá na Fundação Tarab, e é aberto para o público em geral. Os outros quatro dias de curso, que se estenderão em setembro, outubro, novembro e dezembro, são mais indicados a dançarinos, e serão realizados no Instituto Caleidos, centro de dança contemporânea liderado pela arte-educadora Isabel Marques.

Social



Licença de uso

Licença Creative Commons
Os textos do Entresons são publicados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Não Adaptada.
Você pode reproduzir, retransmitir e distribuir o conteúdo, desde que com crédito (ao site e ao autor do texto), para uso não-comercial e com uma licença similar.

Próximos shows

Assinar: RSS iCal