Entre o punk rock e a arquitetura moderna

ARKITITObandeiras60 (2) Sala

Por ironia do destino, a arquitetura moderna e a música fizeram com que Tito Ficarelli ficasse conhecido no Brasil. Aos 14 anos, o paulistano formou com outros dois amigos da escola a banda de punk rock Holly Tree no fim da década de 1990. Os clips da Holly Tree eram exibidos na MTV e o grupo se apresentava na TV Cultura. A banda chegou até a viver em Los Angeles. Ficarelli também estudou arquitetura e, quando voltou dos Estados Unidos, abriu com a irmã Chantal Ficarelli o escritório Arkitito. A empresa faz arquitetura comercial, residencial, cenografia e projetos visuais. “Continuo desenvolvendo a música e a arquitetura, os dois têm relação forte entre arte, matemática, ritmo, estruturação. Os dois são filosoficamente bem parecidos”, diz o também contrabaixista. Atualmente, ele faz parte da banda Terminal, que lançou em 2014 “Picasso”, seu primeiro CD.

Social



Licença de uso

Licença Creative Commons
Os textos do Entresons são publicados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Não Adaptada.
Você pode reproduzir, retransmitir e distribuir o conteúdo, desde que com crédito (ao site e ao autor do texto), para uso não-comercial e com uma licença similar.

Próximos shows

Assinar: RSS iCal